Opções de tratamento para ginecomastia

Tempo de leitura: 3 minutos

 

Quando falamos de tratamento para ginecomastia, tudo depende do diagnóstico concedido pelo seu médico. Se a causa é apenas excesso de peso, perder esse peso extra pode remediar a situação.  Se a causa for automedicação, a substituição deste por outro medicamento indicado por um médico responsável da área pode ter bons resultados.

Medicamentos voltados ao tratamento para ginecomastia

tratamento para ginecomastia - tamoxifeno

Entre eles o tamoxifeno e o clomifeno. Ambos não foram totalmente aceitos pela comunidade científica para este fim.

O tratamento sugerido por um endocrinologista pode ajudar a resolver a questão, mas, em alguns casos, o tecido mamário irá permanecer, tornando a solução do problema muito mais difícil.

Assim sendo, restará somente a opção de cirurgia como tratamento. Infelizmente, tal cirurgia é cara.

Ao chegar neste ponto, há muitas companhias de seguros e planos de saúde que não cobrem este tipo de cirurgia, porque eles acreditam que é uma cirurgia estética, o que implica restrição em vários procedimentos nos contratos das operadoras de saúde.

Por conta disso, algumas pessoas simplesmente decidem viver com essa condição após tentativas malsucedidas para reduzir as mamas.

Mas se o dinheiro não for problema, a cirurgia plástica é a opção que resta para resolver, em definitivo, o problema. Estes procedimentos incluem tudo, desde lipoaspiração a mamoplastia, podendo custar acima de 50 mil reais.

Hábitos Alimentares e exercícios físicos

Mudar os hábitos alimentares é outra opção que pode ajudar o homem a se livrar das mamas. A gordura e carboidratos que você consome são parte dos alimentos que constroem a gordura acumulada na região dos peitos e por isso devem ser evitados. Comer mais vegetais, verduras e frutas é uma maneira de tirar o excesso de peso que pode ser uma grande parte do problema.

O exercício aeróbico é uma outra maneira de mudar seu estilo de vida para que o excesso de gordura não se acumule em áreas específicas. Tanto exercícios aeróbicos mais fortes como simples caminhadas, podem ajudar na eliminação das mamas.

Sutiã masculino

Ainda uma outra solução, se você já tentou muitas coisas e nada funciona, é o sutiã masculino. Eles também são chamados de sutiãs de compressão ou coletes à prova de Ginecomastia.

Estes sutiãs são totalmente diferentes dos sutiãs usados ​​por mulheres. O sutiã masculino é projetado para achatar o peito ao invés de prestar apoio.

Outra forma é utilizar a técnica “breast binding”. Isto é, quando um material é usado para “embrulhar” a região ao redor das mamas e atá-los para baixo, achatando-os também. Ambos os sexos têm utilizado este método. Ele reduz a ponta dos mamilos, um dos fatores mais embaraçosos aos homens que sofrem deste problema.

O uso de tiras de pano, ataduras elásticas ou não elásticas, roupa de baixo feitas de Lycra ou de outra fibra sintética, ou usando camisas de camada, e outras maneiras de apertar os peitos são formas de reduzir as mamas.

Há alguns homens que usam isso para melhorar sua aparência. Às vezes, esses métodos são usados no lugar de cirurgia.

 

Comentários do Facebook
Dr Wendell Uguetto

Formado pela faculdade de medicina da Universidade de São Paulo(USP), o Dr. Wendell Uguetto concluiu o serviço de residência médica em cirurgia geral e cirurgia Plástica no Hospital das Clínicas da USP, Sua busca por aprimoramento resultou no prêmio Quality de Cirurgião Plástico de 2011. Hoje, Uguetto atende em dois consultórios e é membro da equipe de retaguarda de cirurgia plástica e crânio-maxilo-facial do Hospital Albert Einstein. Além de várias cirurgias plásticas, ele é especialista no Tratamento para Ginecomastia e na cirurgia de Ginecomastia.