Por que a ginecomastia ocorre também em quem malha?

Tempo de leitura: 3 minutos

Atingindo cerca de 40% dos homens, a ginecomastia é um fenômeno causado pelo aumento das glândulas mamárias dos homens de maneira anormal. Esse problema pode ser causado por vários fatores e um deles são os anabolizantes, hormônios sintéticos com o objetivo de aumentarem o crescimento de músculos.

Anabolizantes e ginecomastia: entenda a relação

Anabolizantes podem causar o efeito contrário da finalidade: em vez de auxiliar homens a terem o peitoral e outras regiões definidas, essas substâncias podem causar um crescimento anormal das mamas, que em vez de ficarem definidas, ficam avantajadas como a de uma mulher, por exemplo.

Por que isso acontece?

Os anabolizantes são responsáveis por causar um grande descontrole hormonal no corpo de quem os usa. Por serem hormônios sintéticos, podem, pelo incrível que pareça, se transformarem em hormônios femininos, que entre outros problemas, podem causar a ginecomastia.

Os anabolizantes também contribuem para a diminuição de produção natural de testosterona, pois o corpo compreende que existe uma quantidade anormal do hormônio na corrente sanguínea, diminuindo sua produção, outro motivo importante que contribui para esse problema de ginecomastia e impotência, por exemplo. 50% das pessoas que utilizam anabolizantes apresentam problemas de desordem hormonal e sofrem as consequências.

Como diagnosticar esse problema?

Apesar do próprio paciente sentir as mamas maiores, doloridas e sensíveis, é necessário que haja um diagnóstico comprovado para que o tratamento seja feito. Para isso, é recomendado realizar a ultrassonografia de mamas e a mamografia digital. Esses importantes exames irão mostrar a glândula mamária crescida com definição.

Outro exame importante a se fazer é o de sangue, com o intuito de investigar a quantidade de determinados hormônios e descobrir em qual nível está o descontrole dos mesmos.

Cirurgia de ginecomastia é a solução

Apesar de ser uma cirurgia, o procedimento que resolve a ginecomastia é simples e apresenta poucos riscos. A cirurgia, feita com pequenas incisões discretas e de fácil cicatrização, caracteriza-se por retirar o excesso do tecido mamário hipertrofiado, e caso precise, pode ser complementada com uma lipoaspiração, procedimento onde é retirado o excesso de gordura da região com uma cânula.

Além da cirurgia, é claro, o uso de anabolizantes deve ser suspenso imediatamente, assim como o paciente não deve nunca mais ingerir esse tipo de substância, pois a ginecomastia pode haver recidiva.

Pós operatório é fácil?

Sim! O paciente não precisa se preocupar com muitos fatores. Durante 15 dias em média, é usada malha elástica para facilitar a cicatrização e o repouso é indicado, sendo assim proibida a realização de exercícios físicos e academia, se for o caso. Os pontos são retirados após uma semana.

Conte com o Dr. Wendell Uguetto

Com o Dr. Wendell Uguetto, você vai receber todo o atendimento necessário para cuidar da sua Ginecomastia. Além disso, através de um exame completo e detalhado, prescrição médica do tratamento e acompanhamento mensal e completo, você será amparado e terá seus resultados alcançados. Faça já sua avaliação com o Dr. Wendell Uguetto!

Comentários do Facebook
Dr Wendell Uguetto

Formado pela faculdade de medicina da Universidade de São Paulo(USP), o Dr. Wendell Uguetto concluiu o serviço de residência médica em cirurgia geral e cirurgia Plástica no Hospital das Clínicas da USP, Sua busca por aprimoramento resultou no prêmio Quality de Cirurgião Plástico de 2011. Hoje, Uguetto atende em dois consultórios e é membro da equipe de retaguarda de cirurgia plástica e crânio-maxilo-facial do Hospital Albert Einstein. Além de várias cirurgias plásticas, ele é especialista no Tratamento para Ginecomastia e na cirurgia de Ginecomastia.

 

O que é Ginecomastia?
Causas da Ginecomastia
Graus da Ginecomastia
Tratamento para Ginecomastia
Cirurgia de Ginecomastia