Especialidades Médicas: A quem recorrer em caso de Ginecomastia?

Tempo de leitura: menos de 1 minuto

Em qualquer fase da vida, especialmente na adolescência e na terceira idade, pode ser registrado um aumento nas mamas dos homens. Esse aumento pode ser simplesmente um acúmulo de gordura, condição denominada lipomastia, ou um aumento na glândula mamária, conhecido como ginecomastia.

A ginecomastia tem sua origem em desequilíbrios hormonais, especialmente envolvendo a produção de testosterona e de estrogênio. Esse desequilíbrio pode ser desencadeado por uma série de fatores. Em geral, o problema tende à regressão espontânea depois de algum tempo, mas, quando isso não ocorre, o paciente pode sofrer com constrangimento e vergonha do próprio corpo. Isso pode levar o indivíduo a evitar tirar a camisa em público ou ir a locais como praias e parques aquáticos.

O que fazer?

Apesar de não ser um problema grave, o desconforto com a condição leva muitos homens a procurar ajuda especializada. Clínicos gerais podem fazer um primeiro atendimento e, posteriormente, encaminhar o paciente a profissionais de áreas mais específicas. Conheça-os:

Mastologista

A Mastologia é a área médica que estuda e trata todas as doenças da mama, como ginecomastia, câncer de mama, nódulos em geral, assimetrias (seios de tamanhos diferentes) e mastite (infecção nas mamas).

Pediatra e Hebiatra

Levando em consideração que muitos casos de ginecomastia são decorrentes das alterações hormonais comuns ao início da puberdade, os pediatras também podem auxiliar no diagnóstico de ginecomastia na adolescência. Há, ainda, uma especialidade médica denominada Hebiatria, menos conhecida do que a Pediatria, especializada exclusivamente na saúde do adolescente.

Urologista e Andrologista

São profissionais de especialidades médicas focadas na saúde masculina, dedicando-se à prevenção, ao diagnóstico e ao tratamento de condições associadas aos sistemas urinário e reprodutor. Como esses profissionais lidam com a atividade hormonal, podem auxiliar nos casos de ginecomastia.

Endocrinologista

A endocrinologia é a especialidade da medicina que se dedica ao sistema endócrino. Esse sistema é responsável pelo correto funcionamento das glândulas secretoras de hormônios, o que inclui os andrógenos e estrógenos. Quando as glândulas responsáveis pela secreção dessas substâncias apresentam algum problema, o desequilíbrio resultante pode causar ginecomastia.

Psiquiatra e Psicólogo

Especialmente na adolescência, fase naturalmente associada à procura por aceitação social, os casos de ginecomastia podem causar problemas de autoestima, insegurança e isolamento social. Esse tipo de problema pode desencadear desordens mentais, necessitando do acompanhamento de um psicólogo e, em alguns casos, de medicamentos prescritos por um psiquiatra.

Cirurgião Plástico

Por fim, depois que as causas do problema estão esclarecidas e o quadro foi avaliado e diagnosticado, é preciso dar início ao tratamento. O uso de medicamentos pode ser a solução, mas alguns casos exigem a cirurgia de ginecomastia para a retirada da glândula mamária, um procedimento a ser realizado por cirurgiões plásticos. Além das questões de saúde, esses profissionais também conhecem as principais técnicas para manter a área em bom aspecto estético.

Comentários do Facebook