Pós-Operatório: descubra como voltar à rotina normalmente após seu tratamento

Tempo de leitura: 2 minutos

A ginecomastia é uma doença simples e que pode ser facilmente curada, seja por meio de cirurgia ou medicamentos. No caso da cirurgia, tem duração de aproximadamente duas horas, no qual, envolve anestesia local e mudanças na alimentação, uso de medicamentos ou perda de peso, antes do procedimento.

Ao fazer essa cirurgia, você recebe alta no mesmo dia, desde que, tenha reações positivas à anestesia e ao procedimento como um todo.

Contudo, mesmo sendo uma cirurgia relativamente simples, há alguns cuidados que precisam ser tomados após a sua finalização. Desta forma, apresentando resultados satisfatórios, o paciente pode aos poucos voltar à sua rotina habitual.

Como voltar à rotina?

Após a cirurgia, o paciente precisa usar uma malha de compressão a todo o tempo. Os sintomas mais aparentes são inchaço, dores, sensibilidade ao toque, como também a região pode ficar arroxeada e, aos poucos, com o uso dos medicamentos corretos e seguindo as orientações do médico, esses sintomas deixam de existir. E em alguns casos, os drenos de secreções, mas só nos dois primeiros dias. A malha de compressão, deve ser usada entre 1 e 2 meses.

Com exceção desses dois procedimentos, o paciente pode ir voltando à rotina sem maiores complicações. Dependendo da complexidade da cirurgia, ele pode voltar ao trabalho, estudo ou dirigir, entre 5 e 20 dias.

Para quem realiza atividades físicas, o mais indicado é esperar o período de um mês. Isso para quem pratica caminhadas, alongamentos ou yoga. Agora, se o paciente pratica musculação, crossfit e outros esportes mais pesados, é necessário aguardar o período de 2 meses.

Se o paciente for fumante, o médico também orienta a suspensão do fumo por 15 dias, pois, pode ocasionar infecções ou agravar a recuperação.

Com essas pequenas orientações, a rotina do paciente volta ao normal em alguns meses apenas. O médico cirurgião também indica o uso de antibióticos, analgésicos e anti-inflamatórios, que facilitam a recuperação, minimizando as dores e chances de infecção.

Contudo, é preciso sempre estar atento ao processo da cicatrização, que leva um ano para concluir. Em caso de complicações em qualquer etapa da recuperação, é preciso procurar o médico especialista.

Por fim, após a finalização do processo, o homem pode voltar a ter uma vida normal, desfrutando de sua felicidade. Em sua rotina, os dias de praia, sol e piscina podem fazer parte, sem vergonha do próprio corpo.

Comentários do Facebook
Dr Wendell Uguetto

Formado pela faculdade de medicina da Universidade de São Paulo(USP), o Dr. Wendell Uguetto concluiu o serviço de residência médica em cirurgia geral e cirurgia Plástica no Hospital das Clínicas da USP, Sua busca por aprimoramento resultou no prêmio Quality de Cirurgião Plástico de 2011. Hoje, Uguetto atende em dois consultórios e é membro da equipe de retaguarda de cirurgia plástica e crânio-maxilo-facial do Hospital Albert Einstein. Além de várias cirurgias plásticas, ele é especialista no Tratamento para Ginecomastia e na cirurgia de Ginecomastia.