Tratamentos para GINECOMASTIA

Para tratar de um assunto tão complexo como a Ginecomastia, dividimos em dois níveis de tratamentos para melhor entendimento do problema. Tanto um meio como o outro tem resoluções positivas no combate à enfermidade. Contudo, são diferentes.

O medicamento serve para casos recentes e em estágios iniciais da doença. Já o cirúrgico é quando o problema passa a se tornar um grande incomodo, tanto estético, como psicológico. Estudos científicos demonstram que após o tratamento adequado da ginecomastia o paciente se sente mais confiante e com maior auto-estima.

Entre em contato conosco

Tratamento Medicamentoso

O tratamento medicamentoso é indicado quando a ginecomastia é dolorosa e ou implica em alterações psicológicas e deve ser iniciado o quanto antes, uma vez que ginecomastias instaladas há mais de 12 a 18 meses não responderão bem ao uso de medicamentos, fazendo-se necessário a correção cirúrgica.

SAIBA MAIS

Tratamento Cirúrgico

A cirurgia de Ginecomastia só deve ser realizada após o cuidado de eventuais causas subjacentes (como perda de peso, tratamento de tumores, suspensão do consumo de substâncias como hormônios, anabolizantes, medicamentos, álcool ou maconha). O objetivo do tratamento cirúrgico é devolver ao paciente um formato de tórax mais anatômico.

SAIBA MAIS